Delegar: Um dos Alicerces da Prosperidade Empresarial



Sempre que falo sobre delegação, gosto de relembrar uma pequena história vivi em meus mais de 20 anos trabalhando com transformação de empresas:


Um cliente amigo começou uma transformação comigo com a empresa praticamente na UTI, literalmente respirando por aparelhos. E olha, não era por falta de trabalho, porque ele era o primeiro a chegar e o último a sair.


Eu dizia:


- Fulano, para com isso, você vai acabar ficando doente.


Ele respondia:


- Se eu quiser fazer minha empresa voltar a crescer, Carla, tenho que dar exemplo e fazer acontecer.


Essa crença é muito comum no comportamento dos donos de empresas. Aparece ali um projeto às 22h, ele já pega tudo e sai fazendo. Quando olha pela janela o sol já tá raiando…


E assim o tempo com a família vai ficando mais raro, o lazer não existe mais e o trabalho é estressante. Você trabalha, trabalha e o dinheiro não aparece… e o pior, parece que você perdeu o propósito, que seus funcionários não estão nem aí.


A ideia de ter uma empresa pra poder ter mais liberdade, de gastar seu tempo melhor… tudo isso não existe mais. Existe o “preciso fazer”, “preciso resolver”, “preciso ficar mais tempo no trabalho para gerar mais lucro”.


Quando eu vejo uma empresa nesse tipo de caos, por via de regra o problema está nos fundamentos. É como um nível em que você chega e precisa destravar certos fundamentos para poder avançar, escalar, aprimorar sua empresa.


Um desses fundamentos é a arte de delegar. Sim! É muito comum donos de negócios escalarem seu negócio colocando tudo de si, fazendo tudo… se tiver que levar o produto, ele leva, se tiver que empacotar, ele empacota, e conversa com o fornecedor, com o transporte e com o cliente.


É assim que ele cresceu o negócio, e é assim que ele imagina que vai fazer o negócio voltar a prosperar.


O problema é que conforme sua empresa escala o negócio, adquire novos níveis, é preciso saber destravar certos fundamentos que darão alicerce para que ela continue avançando.


É como uma casa em construção: de nada adianta ter um telhado lindo se não trabalhar bem o alicerce dela. Se você não tem um alicerce bem feito, os ventos vão trincar a parede, hora ou outra. Assim também acontece na sua empresa…


Talvez fazer tudo sozinho tenha segurado sua casa até aqui, mas pra fechar de vez as trincas que acontecem na parede nos períodos de ventos fortes, é preciso trabalhar o alicerce, os fundamentos.


O fato é que seu negócio está diretamente ligado ao seu jeito de pensar, ser e fazer. Se você não delegar ou pensar que só você deve realizar determinada tarefa, isso pode estar abrindo um rombo na sua empresa, a tornando centralizadora, dependente e insegura.


Um dos grandes caminhos que encontrei em mais de 20 anos trabalhando com transformações empresariais, é que delegar é libertador!


Quando você entender a liberdade e os resultados que uma boa delegação de tarefas traz, compreenderá como resultados extraordinários são alcançados. É assim que você vai valorizar o seu tempo e colocar seu negócio na rota do sucesso.

306 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo